Enduro dos Ipês é o próximo desafio do Campeonato Mineiro neste final de semana

Morro do Chinha é o ponto alto da prova - Crédito: Janjão Santiago

Morro do Chinha é o ponto alto da prova – Crédito: Janjão Santiago

Está chegando a hora de uma das melhores provas do calendário nacional: o Enduro dos Ipês. Um dos mais tradicionais enduros do estado e do país, a prova será disputada nos próximos dias 23 e 24 de maio na cidade de Lavras, a 240 quilômetros de Belo Horizonte.

Muitas trilhas e algumas novidades para os pilotos - crédito: divulgação/Lúcio Ribeiro

Muitas trilhas e algumas novidades para os pilotos – crédito: divulgação/Lúcio Ribeiro

O evento será válido pelas 7ª, 8ª, 9ª e 10ª etapas do Campeonato Mineiro de Enduro de Regularidade e pelo Campeonato Sul Mineiro de Enduro, por isso um bom número de pilotos é aguardado para a prova.

A variedade de trilhas, com os mais diferentes tipos de terreno e piso, com muitas subidas e descidas, faz a alegria dos pilotos, por isso a prova é considerada uma das melhores do país em nível técnico e diversidade de trilhas. O Morro do Chinha, ponto alto da prova, já é conhecido nos quatro cantos do Brasil e novamente os pilotos terão que desafiá-lo, enquanto uma pequena multidão de pilotos acompanha de perto a perícia e algumas “acrobacias” dos pilotos.

Lúcio Ribeiro, organizador da prova, sempre capricha na escolha das trilhas e surpreende com novidades. E para esse ano não será diferente. Além das boas e tradicionais trilhas, tem muita novidade a caminho e quem for participar da prova não vai se arrepender. A prova está pronta e serão cerca de 200 kms de muitas trilhas nos dois dias. Alías, ter muita trilha é a marca registrada do Enduro dos Ipês. No primeiro dia serão cerca de 120 kms, com percurso diferenciado para as categorias.  No segundo dia serão cerca de 95 kms, mas não se engane com a distância menor, o dia será de muitas trilhas, exigindo bastante dos pilotos.

São quatro percursos diferentes - crédito: divulgação/Lúcio Ribeiro

São quatro percursos diferentes – crédito: divulgação/Lúcio Ribeiro

Quem já confirmou presença foi o francês Adrien Metge, piloto da Equipe Honda Mobil. Apesar vir do Enduro FIM e de estar se dedicando este ano ao Rally, Adrien é sempre um forte concorrente e provou isso no Enduro da Independência de 2014, quando mesmo sem muita experiência na modalidade e enfrentando os melhores do país no regularidade, conquistou excelente resultado e venceu várias etapas. Seu companheiro de equipe Tunico Maciel, que é de Lavras, também vai disputar a prova na categoria Master e é forte concorrente, já que além da habilidade, conhece as trilhas como ninguém. Além deles, são esperadas as presenças de Dário Júlio, Mário Vignate, Alison Branco, Charles Pio, Álvaro Amarante, Fábio Coelho e Noé de Oliveira, dentre outros.

Uma preocupação da organização todos os anos é preparar uma prova para cada nível de piloto. Para isso são preparados quatro roteiros diferentes com nível de dificuldade e médias específicas para cada categoria.

CAMPEONATO MINEIRO

Tricampeão Mineiro, Mário Vignate lidera a categoria Master - crédito: Janjão Santiago

Tricampeão Mineiro, Mário Vignate lidera a categoria Master – crédito: Janjão Santiago

Em 2015 o regulamento da competição sofreu algumas mudanças significativas. As principais são que cada dia de prova conta com duas etapas – uma etapa até o neutro principal e outra etapa do neutro até o final da prova – e as pontuações são progressivas, com as etapas realizadas no final do campeonato valendo mais pontos. A prova de Lavras, que somará pontos para quatro etapas (duas por dia), tem uma pontuação maior que as duas primeiras (São Tiago e Lagoa da Prata). Se nas duas primeiras o campeão levava 25 pontos, em Lavras o vencedor terá direito a 30 pontos em cada uma das 4 etapas. São 120 pontos em jogo!

É bom lembrar ainda que este ano o piloto não tem direito a descartes. Isso faz com que o campeonato fique totalmente aberto e as disputas continuem até o final da temporada.

Na Categoria Master o líder é Mário Vignate, Tricampeão mineiro e atual detentor do título, com 133 pontos. Na segunda colocação, com 19 pontos a menos, está Márcio Miranda, organizador da prova de Lagoa da Prata e que recebeu pontos referentes ao 3º lugar como bonificação na prova, por ter sido o realizador. Na terceira colocação está Lúcio Pinto Ribeiro, que não pontuou em uma das etapas de Lagoa da Prata por conta de um pneu furado e soma 98 pontos. Álvaro Amarante, com duas etapas a menos (não participou da prova de abertura em São Tiago), soma 92 pontos.

Fábio Coelho lidera a categoria Sênior - crédito: Janjão Santiago

Fábio Coelho lidera a categoria Sênior – crédito: Janjão Santiago

Na categoria Sênior a briga está acirrada. Fábio Coelho Amaral lidera com 109 pontos, apenas dois a mais que Alex Nunes “Divininho” Azevedo. A briga pelo terceiro lugar também está animada. Erlon Bessas tem 88 pontos e Charles Pio 87. Logo atrás, Thiago Fonseca e Cássio Ricardo com 83 pontos cada.

A Over 40 tem uma situação tranquila para o líder Edson “Dinho” Maciel, que vem dominando a categoria. Ele somou até agora 142 pontos, com quatro primeiros lugares, um segundo e um terceiro lugar. Na segunda colocação está Ildeu Melo, com 89 pontos, e em terceiro lugar o piloto de Brasília/DF, Jorge Presmic, com 84 pontos.

A categoria Over 45 tem liderança do montesclarense Janjão Santiago, com 94 pontos. Na segunda colocação, o piloto de Betim, Diney Camargos, com 90 pontos. Em seguida, empatados, Marcos Flávio Eustáquio, o Marcão, e Noé de Oliveira, com 47 pontos cada.

Huarllen de Souza é o líder da categoria Júnior, com 122 pontos. Na segunda colocação vem o piloto Hetory Prospery, com 113 pontos, seguido por Jamir Garcia, com 93 pontos. Em quarto está Bruno Pereira Mourão (80 pontos) e em quinto Tainan Batista com 71.

O piloto Cleber Esteves Sacramento é o líder na categoria Over 50.Ele soma até a sexta etapa 144 pontos. Ele é seguido por José Eduardo Campos, que ocupa a segunda colocação com 117 pontos e mais atrás está Aloysio Junior com 74 pontos na terceira colocação.

Adilson Donizete Alves lidera a categoria Novatos com 125 pontos, apenas 3 a mais que Eder Ribeiro Brandão, que tem 122. Na terceira colocação está Tomé Carvalho, com 99 pontos e logo atrás Euler Vanzela, com 96 pontos. Na quinta colocação vem Mirlei Izaias Santos, com 78 pontos.

Confira o ranking completo de todas as categorias no site www.fmemg.esp.br.

Cartaz-lavras

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s