Ipiranga Ibitipoca Off Road – 25 Anos – Dário Júlio manda recado: Abram o olho comigo!

Dário Júlio 1

Nos próximos dias 1, 2 e 3 de agosto acontece uma das melhores provas de Enduro do país, o Ipiranga Ibitipoca Off Road. E a prova deste ano promete ser ainda mais especial, em uma edição histórica, comemorando seus 25 anos.

O que confirma que essa é uma das melhores provas do país é que a um mês da competição as inscrições já estavam esgotadas. São 380 pilotos confirmados na prova deste ano, apenas nas motos. Outro fato que chama a atenção é que os melhores pilotos do Brasil marcarão presença na prova, que será válida pelas duas etapas finais do Campeonato Mineiro de Enduro.

Pelo campeonato Mineiro na categoria Máster, os três que estão à frente na classificação são Mário Vignate, Alison “Branco” Silva e Rodrigo Amaral. Além deles, a lista de fortes concorrentes é grande: Álvaro Amarante, Allan Amaral, Noé Jr, Lúcio Ribeiro, Gianino Coscarelli, dentre outros mineiros.

E se não bastasse a “briga caseira”, alguns dos melhores pilotos do país querem levar o caneco da prova de qualquer jeito. O capixaba Jomar Grecco  (campeão do Independência e atual líder do Campeonato Brasileiro) e Emerson Loth Bombadinho (atual campeão brasileiro) estão vindo com sede de vitória pra subir no degrau mais alto do pódio. Além deles, pilotos de várias partes do país confirmaram presença.

Dário Júlio está confirmado no Ibitipoca

“A recuperação não foi fácil, pelo contrário, foi muito difícil, mas agora estou bem. Na moto estou bem confortável, não estou sentindo nada.”

Mas é bom não esquecer um piloto que já escreveu seu nome na história da prova: Dário Júlio está de volta! Bicampeão da prova – venceu em 2007 e 2008 – o piloto e chefe da Equipe Honda/Mobil de Rally quer brigar pelo título esse ano, ainda que esconda o jogo e coloque a obrigação da vitória nos concorrentes. Mas, na mesma hora que fala que quer se divertir, manda o recado: é bom não darem chances e abrirem o olho com ele!

O Supertrilha conversou com o piloto, que tem se dedicado nos últimos anos ao Rally. Porém, nunca deixou de lado o regularidade, já que, conforme ele mesmo faz questão de reforçar sempre, tem inúmeros e grandes amigos na modalidade. Dário se acidentou no Dakar deste ano e o primeiro semestre foi praticamente focado na recuperação. Fez o seu retorno no Enduro dos Ipês, prova bastante dura, e, ainda assim, conquistou a terceira colocação. Se no Enduro dos Ipês ainda estava um pouco inseguro, garante já estar pronto agora.

Pra começar, Dário falou sobre o acidente, sua recuperação e a volta às competições. Confirmou que já está pronto.

Dário Júlio: Estou voltando, esse ano tive os perrengues no Dakar, um grave acidente, que me deixou esse primeiro semestre em recuperação. Não foi fácil, pelo contrário, foi muito difícil, mas agora estou bem fisicamente, estou quase 100 %, voltando a andar de moto bem confortável. Não estou sentindo nada. Mas não sei se estou em ritmo de disputar, de ganhar ainda.

O Ibitipoca é uma prova que sempre me inspirou. Sempre que posso, faço questão de estar presente.

“O Ibitipoca é uma prova que sempre me inspirou. Sempre que posso, faço questão de estar presente.”

Típico mineiro, Dário Júlio fala como quem esconde o jogo, colocando a obrigação da vitória para os adversários. Ele fez questão de frisar que o Ibitipoca é uma prova diferente, que sempre mexeu com ele e sempre fez questão de estar presente. Falou também do clima de amizade que prevalece na prova e dos amigos que sempre encontra por lá.

Dário Júlio: O Ibitipoca é uma prova que sempre me inspirou. Eu gosto demais da prova, sou apaixonado com o Ibitipoca. É uma prova de dois dias, mas é uma prova que tudo ali ajuda, a região, a organização, as médias, as trilhas, os pilotos que vão, os amigos – todo mundo faz questão de estar ali – então o clima da prova é muito bom. Sempre que posso, faço questão de estar presente.

Principalmente por ser uma edição especial, que comemora os 25 anos da prova, Dário Júlio afirmou que fez questão de participar, de estar presente na prova.

“Eu vou fazer o Ibitipoca - pra ganhar ou pra perder - mas eu quero estar lá!”

“Eu vou fazer o Ibitipoca – pra ganhar ou pra perder – mas eu quero estar lá!”

Dário Júlio: Esse ano eu falei “Eu vou fazer o Ibitipoca – pra ganhar ou pra perder – mas eu quero estar lá!”. O objetivo meu é esse, fazer parte da prova que é uma das que mais gosto. Ainda mais em uma edição comemorativa! Eu já ganhei duas edições e sempre me foquei em fazer bem feito essa prova. Então eu resolvi que o Ibitipoca desse ano eu não perco não. Vou lá nem que for pra ficar em último, mas vou lá pra encontrar meus amigos, ver o Manoel, o Thiago, o Boka, o pessoal todo lá.

Dário Júlio sempre foi um piloto acostumado com as vitórias. Um dos melhores pilotos do país, tanto no Enduro quanto no Rally, sempre acumulou títulos e muitas vitórias. Por isso mesmo questionamos se o piloto iria tirar a mão, se iria ao Ibitipoca só pra curtir, pra passear. E o piloto da Equipe Honda/Mobil de Rally respondeu de forma enfática:

"O pessoal pode abrir o olho! A disputa vai ser boa, mas deixem eles comigo!"

“O pessoal pode abrir o olho! A disputa vai ser boa, mas deixem eles comigo!”

Dário Júlio: Eu estou falando assim, que estou indo só pra participar, mas quero enviar um recado pra turma que tá indo. O pessoal pode abrir o olho, eu estou falando assim, mas não vou muito bobão também não! Estarão na prova desse ano alguns dos melhores do país, todos querendo ganhar. A disputa vai ser boa, mas deixem eles comigo!

É muito bom ver o piloto de volta, depois do grave acidente no Dakar deste ano. Além de um grande piloto, Dário Júlio é um grande amigo de todos. Mas, ainda que esteja voltando, e sem muito ritmo no Enduro, quem o conhece sabe que ele é extremamente competitivo. Mesmo afastado do regularidade, deu trabalho no Independência 2013, subindo ao pódio – e há que se ressaltar que o Independência é uma das mais disputadas provas, onde estão os melhores pilotos do país. E no final de Maio desse ano, no retorno às competições depois do acidente, também subiu ao pódio no difícil e exigente Enduro dos Ipês. Portanto, é bom mesmo seus concorrentes (e amigos) abrirem mesmo o olho! Acostumado aos pódios, deve estar com sede de vitória!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s