Brasileiro de Enduro: Transbahia começa nesta quinta

Transbahia

A disputa pelo título do Campeonato Brasileiro tem novos rounds nesta semana. Com largada em Porto Seguro e chegada em Itacaré, começa nesta quinta-feira o Transbahia, 7ª e 8ª etapas do Campeonato Brasileiro de Enduro de Regularidade. A chegada será no sábado, dia 13, depois dos pilotos pernoitarem em Canavieiras e Ilhéus. Serão 3 dias e  622 quilômetros de muitas trilhas pela Costa do Cacau, região famosa pelas obras de Jorge Amado.

A expectativa é que cerca de 300 pilotos participem da prova, que além de motos terá ainda categorias para carros, quadriciclos e UTV’s.

A disputa do Rally Transbahia pode render pontos importantes para os pilotos que estão na briga pelo título de Campeão Brasileiro de 2013. O líder da competição é o catarinense Guilherme Cascaes, que tem 119 pontos.Emerson Loth, o Bombadinho, é o vice-líder com 108 pontos, com Jomar Grecco em 3º com 106 pontos. Em 4º está o mineiro Rodrigo Pedrosa Amaral (101 pontos), que começou o campeonato na frente, após as etapas do Piocerá. O 5º é o capixaba Sandro Hoffmann, com 87 pontos.

Entre os ponteiros da Master, a prova não terá a participação do mineiro Rodrigo Amaral, que se machucou enquanto treinava na Serra da Canastra. Rodrigo lesionou o ombro e necessita de repouso para sua recuperação:

Rodrigo Amaral“Estava treinando na Serra da Canastra e tive uma queda forte numa estradinha. Cai de lado e bati o ombro direito no chão. Não tive fratura óssea, porém tive lesão do tendão. Não sei quanto tempo ficarei sem andar de moto, pois o importante para a cura da lesão é repouso. Uma pena, mas em breve estaremos de volta.”

Quem está bastante animado para a prova é o paranaense Emerson Loth, vice-líder do campeonato brasileiro e vencedor da última prova.

Emerson Loth Bombadinho“Estou bastante confiante devido a evolução no meu desempenho. O segredo agora é manter a calma para não colocar em risco o que alcancei até aqui. A competição contará com trechos muito técnicos, em um tipo de terreno que costumo me sair bem. Espero conquistar um excelente resultado para a minha equipe e meus fãs”, afirma o competidor de Curitiba

Sandro Hoffmann também já confirmou sua participação no Transbahia. Ele vem de uma vitória no Brasileiro de Enduro FIM no último final de semana e está em quinto lugar na categoria Master do Regularidade.

Hoffmann“As primeiras etapas não me favoreceram. Mas, daqui para frente as provas serão em locais em que eu conheço e será mais fácil para me aproximar do título”, ressalta o piloto. Hoffman compete o Brasileiro de Regularidade desde 1999. Este é o 15º ano que participa do Campeonato. “Neste tempo consegui dois terceiros lugares, seis vices e seis títulos. Acredito que não tem nenhum piloto hoje que participou de todas as provas, em todos os anos, sem faltar”.

Já o catarinense Guilherme Cascaes tem um duplo desafio nesta prova, defender o título do Rally Transbahia e a liderança do Campeonato Brasileiro. Atual bicampeão brasileiro, o piloto está pronto para a disputa na Bahia.

 cascaes“As expectativas são muito boas, espero manter a liderança do Brasileiro e vencer novamente o Transbahia”, comentou Cascaes. “O Rally Transbahia acaba sendo um campo neutro, já que não há nenhum piloto que disputa o Brasileiro e mora na região, o que certamente seria uma boa vantagem”, explicou o piloto. 

Por ser formada por três dias de disputa, a prova costuma ser um grande desafio para muitos pilotos.

“Eu gosto de provas longas, geralmente conquisto bons resultados porque exigem uma regularidade ainda maior dos competidores. O roteiro desse ano será em um local diferente, mas espero um pouco de tudo pelo caminho. A região é muito bonita e apesar de estar sempre concentrado na planilha, consigo apreciar um pouco da paisagem nos pontos neutros”, explicou. 

No último final de semana, Cascaes venceu as duas provas válidas pela terceira etapa do Campeonato Catarinense de Enduro de Regularidade, em Caçador (SC).

Programação / Roteiro

11/4 – Etapa 1 – Porto Seguro / Canavieiras – Trajeto: 277 km

Os pilotos terão pela frente plantações de eucalipto, estradas de areia e trechos rurais inóspitos. O dia conta ainda com passagem por região serrana, incluindo aclives e declives bastante acentuados, além de locais de criação de bovinos e trechos pantanosos.

12/4 – Etapa 2 – Canavieiras / Ilhéus – Trajeto: 190 km

Dia de altas velocidades, o que irá exigir habilidade técnica e perícia na navegação. O palco da disputa é marcado por reservas ambientais e plantações de dendê, cacau e de eucaliptos. A região é plana, com terreno escorregadio.

13/4 – Etapa 3 – Ilhéus / Itacaré – Trajeto: 155 km

A última etapa levará os competidores até Itacaré por caminhos de serra e com paisagens ímpares. Tendo a Mata Atlântica nativa como plano de fundo, os pilotos passarão por estradas abandonadas, riachos e pela beira do Rio de Contas. No final do trajeto, laços de trilhas colocarão mais uma vez a navegação à prova.

A terceira edição do Rally Transbahia tem patrocínio do Governo da Bahia, por meio da Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (SETRE) e da Superintendência dos Desportos do Estado (SUDESB) e da Prefeitura de Porto Seguro. O evento conta com o apoio das Prefeituras de Canavieiras, Ilhéus e de Itacaré, Açaí da Bahia, Honda Motoclube e Zoom Imagem, além da Tmar como transportadora oficial e a VANSERV como agência oficial. A realização é da Adrenalina Eventos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s