1ª Etapa do Campeonato Mineiro de Enduro 2013 – Lagoa da Prata

Supertrilha3706

Lucio Caldeira teve problemas na moto e teve que abandonar a prova

Neste domingo aconteceu o Enduro da Prata, prova de abertura do Campeonato Mineiro de Enduro. A cidade de Lagoa da Prata recebeu mais de 100 pilotos de todas as partes do estado para encarar um desafio de 130 quilômetros de muitas trilhas. E trilhas que ficaram ainda mais difíceis por causa das chuvas que caíram na região noas dias que antecederam a prova.

Já no sábado a cidade estava lotada de pilotos que foram ao Ponto do Espetinho para pegar o material de prova (planilhas, jaleco, number plate, etc).

A largada foi às 10 da manhã do domingo, no Bora Bora, em frente a praia da cidade. E após uma noite de muita chuva, o sol deu as caras e apareceu forte. Mas mesmo com o forte sol e calor, não deu tempo de secar as trilhas, principalmente dentro das matas, que estavam com terreno molhado e extremamente escorregadio.

E além das muitas trilhas – os pilotos quase não passavam por estradas – a prova ainda tinha muitos balaios. Já no neutro principal, muitas baixas na prova. Segundo Lucio Pinto Ribeiro, piloto e organizador do Enduro dos Ipês em Lavras, que correu na categoria Master, a prova separou os mais preparados da turma do lazer:

Lucio

Lucio foi o 6º colocado na Master

No Enduro de Lagoa da Prata a prova literalmente separou os mais preparados da turma do lazer. Só precisamos lembrar que quem mantém este esporte é a turma do lazer e esta turma deu baixa na prova pois não conseguia recuperar no tempo, deu uma erradinha já era, os neutros ficavam apenas para dar uma recuperada.

Realmente, a prova testou os limites físicos dos pilotos. Alguns abandonando, outros passando mal e muitos com cãimbras durante a prova.

E como disse o organizador Marcinho Miranda, se fosse fácil se chamaria Emole e não Enduro.

No começo da prova uma trilha dentro de uma mata já mostrava que as trilhas estavam bastante molhadas e muito escorregadias. E logo depois das trilhas na mata, um grande balaio pra testar a capacidade de navegação e concentração dos pilotos.

“Conforme o previsto, o roteiro teve bastante ‘balaio’ e a chuva que caiu durante a noite deixou a prova bastante pesada. Estava mais liso que quiabo”, brincou Noé de Oliveira.

E quando não era terreno escorregadio nas matas, eram trilhas a céu aberto e com muitas pedras. Mas mesmo sendo uma prova que exigiu bastante, a planilha estava exata, muito bem desenhada e com tudo batendo certinho. Marcinho caprichou na prova.

Confira o vídeo e o resultado do Enduro da Prata 2013:

RESULTADOS

Resultado Geral: Lagoa da Prata

Resultado de pontos perdidos por piloto: Lagoa da Prata

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s